Facebook

Matriz SWOT e a Gestão da Qualidade

Em vez de ler, que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Você ocupa um cargo de gestor? Conhece as ferramentas que podem melhorar as ações na sua organização? Já ouviu falar em Matriz SWOT? Neste artigo vamos apresentar uma ferramenta simples de aplicar, a SWOT, bastante utilizada para que você tome de decisões mais assertivas, afinal, sua organização precisa ter confiança no que está decidindo para ir em busca de melhores resultados.
 
O artigo desta semana ajudará você na execução do planejamento além de ser uma boa alternativa para complementar as ações que já estão em andamento. Mas afinal, você sabe o que é e como aplicar essa ferramenta? Continue a leitura e saiba mais!
 
O QUE SIGNIFICA SWOT?
 
A matriz SWOT (ou matriz F.O.F.A.) vem das iniciais de Forças (Strengths), Fraquezas (Weakness), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats), e é uma ferramenta que ajuda no planejamento estratégico de diferentes áreas de uma organização.

Essa ferramenta foi criada por Kenneth Andrews e Roland Christensen, professores da Harvard Business School, por volta dos anos 60, com o objetivo de estudar e melhorar o planejamento estratégico das empresas.

Apesar de ser uma ferramenta simples ela é considerada bastante eficaz para pequenas e grandes empresas compreenderem o mercado que estão e desenvolverem boas estratégias. Porém, para isso acontecer é preciso compreender cada um dos quadrantes da matriz e a partir disso conseguir obter melhores resultados. Confira as siglas e seus significados, vamos lá!



É importante compreender quais são e como gerenciar os pontos externos e internos. Os fatores internos podem ser encontrados nas Forças e Fraquezas, o gestor ao encontrar esses pontos, consegue trabalhar esses itens dentro da organização. Já os fatores externos estão nas Oportunidades e Ameaças, apesar de serem independentes das estratégias do gestor, pode-se atentar-se ao mercado criando modos para aproveitar as oportunidades e reduzir riscos e perdas.
 
PARA QUE SERVE? VANTAGENS
 
Existem muitos benefícios de utilizar a Matriz SWOT na sua organização, separamos alguns deles, que são:

  • A matriz pode ser utilizada para realizar e complementar diversas análises e planejamentos, isso porque com ela é possível identificar os fatores positivos ou negativos de qualquer objetivo estudado.

  • A análise SWOT não exige capacitação específica, pois trata-se de uma matriz simples que a própria equipe pode desenvolver juntamente com os gestores.

  • Durante a pesquisa e análise das respostas, você abre a mente sobre o mercado atual, isso é muito válido na criação de novas estratégias e para se destacar da concorrência.

  • Você consegue detalhes importantes de diversas áreas da empresa com a análise SWOT, os pontos fortes e pontos fracos bem como as oportunidades e ameaças existentes.
 
Agora você já sabe o que é, onde surgiu, o que significa as siglas e alguns benefícios, chegou a hora de construir sua matriz. Montamos um passo a passo para você criar sua, confira:
 
  
TERMINEI A MATRIZ E AGORA? COMO APLICAR?
 
Acabou de preencher a matriz? Agora é hora de agir! Você deve analisar as possíveis opções de mudanças para cada quadrante, ou seja, chegou a hora de criar estratégias em busca de crescimento empresarial ou fortalecimento do seu negócio.
 
Vamos à prática, com essa análise em mãos, você tem o objetivo de aumentar os pontos positivos e diminuir os negativos. Você pode cruzar os quadrantes a fim de criar estratégias eficazes, vamos aos exemplos:



Você pode utilizar esses quadrantes juntos com o intuito de aumentar as oportunidades já existentes em um ambiente externo.
 
Por exemplo: Sua organização produz peças plásticas para equipamentos elétricos, um dos seus pontos fortes é a exclusividade dos produtos. Você consegue identificar que o cliente está em busca de peças exclusivas, então você pode trabalhar a divulgação, além da qualidade e do preço, e destacar que suas peças são exclusivas atingindo diretamente esses clientes.
 

 

Você sabe quais são os pontos fortes do seu negócio que ajudam a diminuir as ameaças externas?
 
Vamos lá, seguindo o exemplo anterior, suas peças plásticas são tão exclusivas que ajudam a reduzir a ameaça da concorrência, ou seja, a exclusividade do seu produto é a força da sua organização e garante destaque diante da concorrência.
 

 
O que você pode fazer para diminuir os pontos fracos da sua empresa através das oportunidades externas?
 
Se um dos seus pontos fracos é a falta de mão de obra especializada, você pode aproveitar as ofertas de serviços terceirizados para suprir e contornar essa fraqueza.
 

 
Você sabe como eliminar as fraquezas e diminuir as ameaças externas? Se uma das suas fraquezas e ameaças for o preço, você sabe o que fazer para reduzir esse problema?
 
No caso de uma fabricante de peças plásticas exclusivas, pode ser feito um plano de marketing específico para produtos exclusivos, justificando o preço pago, ou criar uma linha de produtos inferiores que atenda também ao público que busca por um preço menor, são exemplos que podem ajudar a sua organização a reduzir a falha nesses quadrantes.
 
A MATRIZ SWOT É UM DIFERENCIAL PARA O SEU NEGÓCIO
 


A matriz SWOT, pode ser utilizada de maneira contínua ou apenas para determinadas ações e processos na sua organização, o lançamento de um produto por exemplo, vale destacar que por meio dela é possível encontrar novas estratégias para fortalecimento e crescimento da empresa.
 
Não é só em situações empresariais que você pode utilizar a análise SWOT sabia? Pode utilizá-la também no desenvolvimento pessoal e profissional, você só precisa preencher as forças e fraquezas com informações do seu perfil, já as oportunidades e ameaças você relaciona com o mercado de trabalho atual, dessa forma é possível ter uma visão mais clara das ações necessárias para o seu crescimento profissional.
 
Como já dizia o estrategista e filósofo chinês, Sun Tzu: “Concentre-se nos pontos fortes, reconheça as fraquezas, agarre as oportunidades e proteja-se contra as ameaças.

13 de Novembro de 2018

Tags:

swot gestão qualidade gestao estrategica crescimento pessoal crescimento profissional