Facebook

Guia básico para quem quer ser certificado pela ISO 9001

Em vez de ler, que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Obter a certificação ISO é uma maneira da organização adotar boas práticas de gestão aos seus processos e assim demonstrar um cuidado não só com a qualidade do produto ou serviço, mas também com a regulamentação, leis e normas gerando satisfação para o seu cliente.
 
A ISO é um pilar importante do Sistema de Gestão da Qualidade, que funciona através de normas de padronização reconhecidas internacionalmente.
 
 
COMO OBTER A CERTIFICAÇÃO ISO 9001
 
Algumas etapas são fundamentais para a conquista da certificação, são elas:
 

PLANEJAMENTO
 
 Para iniciar a busca pela certificação é fundamental que a organização crie um planejamento com os objetivos almejados a partir da implantação dos processos de um Sistema de Gestão da Qualidade.
 
Neste planejamento é importante destacar os pontos fortes, pontos fracos e melhorias possíveis. 


IMPLEMENTAÇÃO

No início da implementação é importante reconhecer e definir os principais processos, ou seja, é uma boa prática criar informação documentada dos fluxos referente aos processos, gerando clareza das entradas e saídas das informações.
 
Alguns documentos precisam ser elaborados e implantados e o controle dos processos formalmente registrados, como por exemplo, um manual da qualidade embora não seja obrigatório na versão 2015 é uma boa prática manter ou criá-lo, com a política da empresa baseada nos requisitos da ISO. Importante mencionar também a necessidade de organização de alguns procedimentos como:
 
  • Controle de Documentação e Registros;
  • Gestão de Pessoas (treinamentos, descrição de cargo);
  • Auditoria Interna;
  • Início dos registros das Não Conformidades;
  • Controle das Ações de Correção

A equipe deve ser treinada de forma adequada para garantir que as funções sejam desempenhadas de forma eficiente. Nesta etapa você pode contratar uma consultoria profissional para auxiliar nas ações.
 

INSPEÇÃO
 
Nesta etapa será realizada a auditoria interna, que se trata de uma atividade de apoio para a alta direção e fundamental para a melhoria continua. Através dos resultados você consegue avaliar o desempenho, gerenciar riscos e garantir a segurança das informações. É um meio eficaz para identificar possíveis melhorias nos processos.
 
O papel do auditor interno possuí muitas vantagens, por conhecer o processo, seu olhar deverá buscar pelo funcionamento correto das etapas que compõem o dia a dia da empresa e além disso seu papel será:
 
  • Observar, mensurar e avaliar os riscos e controles da organização;
  • Manter a organização em conformidade com as políticas e leis;
  • Sugerir melhorias através dos resultados obtidos.
 
Através das informações coletadas é possível saber se a empresa está indo pelo caminho certo. Optar por auditores terceirizados é um bom investimento, pois eles conseguem ter um novo olhar dos processos.
 
A auditoria interna permite identificar melhorias e não conformidades dos processos. Após a sua conclusão, o Sistema de Gestão da Qualidade passa ter uma estrutura, mesmo ainda que não seja certificado.
 
CERTIFICAÇÃO
 
A auditoria de certificação acontece em dois períodos, o primeiro é a revisão dos processos que serão auditados e tem como finalidade garantir que todos os requisitos da norma tenham sido atendidos, e qualquer divergência encontrada neste período deve ser documentada formalmente e ações corretivas devem ser aplicadas antes da segunda fase.
 
O segundo período é a parte principal da certificação, e esta é direcionada para a implementação e eficiência do seu Sistema de Gestão da Qualidade. Um auditor visitará a empresa e verificará os processos para assegurar que seu sistema está implementado.
 
Após a conquista da certificação, a cada três anos realiza-se uma auditoria de recertificação para garantir que sua organização está mantendo o Sistema de Gestão da Qualidade em conformidade com a ISO 9001.
 
3 VANTAGENS EM TER A CERTIFICAÇÃO
 
Está em busca da certificação? Separamos 3 vantagens para a sua organização, confira:

Uma organização certificada indica boas práticas de gestão e a busca pela satisfação do cliente. Garantir que os produtos e serviços sejam de qualidade é fundamental, porém, a satisfação do cliente deve ser também levada em consideração. Na seção 8.2.1 da norma, você encontra os requisitos referentes ao atendimento ao cliente, CLIQUE AQUI e confira as especificações e meios para manter a satisfação do cliente.
 
A gestão da qualidade em conformidade com a norma aumenta a produtividade, além de diminuir falhas e retrabalho. Uma organização certificada consegue otimizar o tempo das atividades, controlar o uso de materiais na produção além de gerenciar de forma eficiente o setor de recursos humanos.
 
O mercado está cada vez mais exigente, seguir o padrão de boas práticas da ISO 9001 aumenta a probabilidade de crescimento financeiro e garante um bom posicionamento da organização no mercado.
 
Conheça a história de sucesso da Anagê Imóveis que há um ano começou a movimentação em busca da certificação ISO.

 

12 de Setembro de 2018

Tags:

certificação iso 9001 guia de certificacao iso certicicacao ISO 9001 como certificar minha empresa na ISO 9001